Esportes
Publicada em 17/10/2020 - 00h07min

Sem Marinho

Santos tenta superar Coritiba no Couto Pereira

Ainda frustrado com a derrota diante do Atlético-GO, na Vila Belmiro, o Santos encara o Coritiba, hoje, às 19 horas, no Couto Pereira. A obrigação do time de Cuca é recuperar os pontos desperdiçados em casa para voltar à caça aos líderes. Machucado, o astro Marinho permanece fora.
O tropeço passado, por 1 a 0, custou caro aos santistas. Além da invencibilidade de 12 jogos perdida, a equipe viu a diferença para a liderança aumentar para sete pontos.
Com Soteldo de volta para dar um pouco mais de calma aos meninos na frente, a ordem é caprichar nas finalizações. O venezuelano tentará tranquilizar Kaio Jorge e Arthur Gomes na hora de chutar a gol.
Cuca não culpou os jogadores no revés passado. Ao contrário, assumiu a responsabilidade. Mas admitiu que o time merecia melhor sorte, porém pecou na hora H. Assim como já havia lamentado a falta de pontaria em outras rodadas.
Confiança
O Santos costuma criar muitas chances de gol nos jogos e a ordem é não desperdiçá-las. Nada de deixar os líderes abrirem ainda mais. Pelo "sonho alto" no Brasileirão, a confiança é na recuperação dos pontos perdidos na Vila Belmiro.
Marinho está com um edema na coxa e pela segunda rodada seguida não entrará em campo. Um desfalque gigante. O atacante anotou quase a metade dos 21 gols do time. Foram 10 bolas nas redes, além das assistências. Soteldo terá de "fazer o papel" de estrela santista.
Lucas Veríssimo e Alison são outros desfalques por lesão. Pará cumpre suspensão, enquanto Jobson retorna e assume a posição de primeiro volante. (E.C.)

Santos encerra contrato com Robinho

Depois da pressão de patrocinadores e torcedores, o Santos optou por encerrar o contrato com o atacante Robinho. O clube divulgou ontem uma nota informando que suspendeu a validade do contrato com o jogador. "O Santos Futebol Clube e o atleta Robinho informam que, em comum acordo, resolveram suspender a validade do contrato firmado no último dia 10 de outubro para que o jogador possa se concentrar exclusivamente na sua defesa no processo que corre na Itália", anunciou a direção do clube.
Pelas redes sociais, Robinho também fez o anúncio. "Com muita tristeza no coração, venho falar para vocês que tomei a decisão junto do presidente de suspender meu contrato neste momento conturbado da minha vida. Meu objetivo sempre foi ajudar o Santos Futebol Clube. Se de alguma forma estou atrapalhando, é melhor que eu saia e foque nas minhas coisas pessoais. Para os torcedores do Peixão e aqueles que gostam de mim, vou provar minha inocência", disse o jogador. (E.C.)
Compartilhe
Comentários
Comentar

Mais vistos