Brasil e mundo
Publicada em 15/10/2020 - 22h52min

Dinheiro na cueca

Senador diz que vai esclarecer os fatos

Após ser afastado da vice-liderança do governo no Senado, o senador Chico Rodrigues (DEM-RR) afirmou em nota que deixou a vaga para "aclarar os fatos e trazer à tona a verdade"

Foto: Agência Câmara/Divulgação

Ministro do STF determinou afastamento do senador
Após ser afastado da vice-liderança do governo no Senado, o senador Chico Rodrigues (DEM-RR) afirmou em nota que deixou a vaga para "aclarar os fatos e trazer à tona a verdade". O parlamentar foi flagrado com dinheiro na cueca em uma operação da Polícia Federal (PF) realizada anteontem. Ele afirmou que provará que não tem relação com "qualquer ato ilícito de qualquer natureza" e reforçou o apoio ao governo. O presidente Jair Bolsonaro foi responsável pela indicação de Rodrigues ao Senado, para ser o elo entre o Palácio do Planalto e o Congresso.
Sobre o caso, Bolsonaro afirmou que a operação da PF é um exemplo de que não há corrupção em seu governo.
O senador foi alvo de investigação que apura desvios de recursos públicos destinados ao combate à pandemia de Covid-19, oriundos de emendas parlamentares.
Apuração da reportagem do Estadão/Broadcast com duas fontes que tiveram acesso a informações da investigação mostrou que foram encontrados R$ 30 mil dentro da cueca de Chico Rodrigues. O valor total descoberto na casa do senador chegaria a R$ 100 mil.
Afastamento
O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou o afastamento do senador do senador. A decisão, assinada ontem ainda precisa passar por votação no Senado Federal, para que seja validada. (E.C.) 
Compartilhe
Comentários
Comentar

Mais vistos