Cidades
Publicada em 30/06/2020 - 00h19min

Prefeitura e a Fundação Florestal

Convênio deve estimular conservação das matas

Com o término do mês se aproximando, a programação do Junho Verde caminha para seu final. Após a missa campal celebrada sábado passado pelo bispo Dom Pedro Stringhini, na Paróquia Cristo Rei, e transmitida por teleconferência, dois eventos serão realizados nesta semana. Hoje, às 10 horas, será assinado o Termo de Cooperação entre a Prefeitura e a Fundação Florestal, com o objetivo de estimular a conservação das matas, a educação ambiental e garantir o apoio técnico da entidade na revisão do Plano de Manejo do Parque Municipal Chiquinho Veríssimo. O evento também ocorrerá por meio de teleconferência.
Também hoje, a programação prevê outra teleconferência, intitulada "Combate a Incêndios Florestais", que contará com representantes da Fundação Florestal, da Secretaria do Verde e Meio Ambiente e do Instituto Ecofuturo. O evento abordará o Sistema Estadual de Prevenção e Combate a Incêndios Florestais - ou Operação Corta Fogo. Coordenado pela Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente (SIMA), a operação envolve e articula o trabalho de órgãos como o Corpo de Bombeiros, a Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil (CEPDEC), a Polícia Militar Ambiental (PAmb), a Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), a Fundação Florestal (FF) e o Instituto Florestal (IF).
O secretário municipal do Verde e Meio Ambiente, Daniel Teixeira de Lima, lembrou que o Junho Verde deste ano manteve seu caráter educativo e de formação, ainda que tenha sido afetado pela pandemia. O secretário reforça, porém, que as atividades normalmente programadas para acontecer em áreas verdes do município deram lugar a teleconferências, que atingiram um bom público.
Compartilhe

Video

Mais vistos