Editorial
Publicada em 22/05/2020 - 00h37min

Dirceu Sousa

Saída digital

Com o isolamento social imposto pela necessidade de afastamento das pessoas para tentar reduzir os impactos negativos da pandemia de coronavírus, muita gente se viu obrigada a recorrer às redes sociais para encontrar alternativas para ocupar o tempo de forma útil e saudável. As plataformas digitais não tem ajudado apenas a parcela da população que fica em casa, mas também as instituições responsáveis pela organização de movimentos artísticos, culturais e religiosos.
Impossibilitada de realizar o evento de forma presencial por conta da quarentena e das medidas de proteção contra a Covid-19, a tradicional Festa do Divino Espírito Santo, em Mogi das Cruzes, teve a sua abertura, ontem, reduzida a uma pequena carreata com a presença de festeiros e capitães de mastro. As missas serão realizadas sem a presença de público, acompanhadas somente pela internet. A Igreja optou por transmissões ao vivo da parte religiosa do evento, alternativa jamais imaginada em 407 anos de celebração. A solução para a festa não passar inteiramente em branco foi buscar saída nos meios digitais.
Outro bom exemplo é a Mostra Virtual de Mogi das Cruzes - A Arte Não Esqueceu de Você (Movi.Ar). O modelo alternativo da Secretaria de Cultura e Turismo objetiva apoiar os artistas durante o isolamento social. Segundo a Pasta, a ação já registrou mais de 100 mil visualizações desde que teve início, há pouco menos de dois meses. "Pessoas que normalmente não iriam a um show ou a um teatro, de repente entram e participam das lives, então essa é uma nova maneira de engajar público, que pode ser levada adiante pelos artistas", resumiu o secretário Mateus Sartori.
Da mesma forma, a Secretaria de Educação, não apenas de Mogi, mas de outras cidades do Alto Tietê, criou aulas e atividades on-line para ocupar os alunos durante o período sem aprendizagem presencial. A modalidade também colocou o corpo docente, responsável pela produção de conteúdo para os estudantes, em ação na quarentena.
Se não é a maneira ideal para substituir as atividades presenciais, ao menos as redes sociais e a internet têm apresentado uma opção viável para todos.
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos