Editorial
Publicada em 24/03/2020 - 01h33min

Pesquisa é essencial

A descoberta de uma vacina eficaz contra a Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus, é questão de tempo. Impossível, no entanto, determinar a exatidão deste tempo, pois a ciência, por mais exata que seja na utilização de resultados comprovados, deve cumprir etapas e experimentar, de diversas formas, os efeitos colaterais de qualquer novo medicamento. Não é fácil. É um trabalho persistente e exaustivo e que, por muitas vezes, beira a decepção por um detalhe que quebre a cadeia positiva das análises.
Cientistas e pesquisadores no mundo inteiro, incluindo competentes profissionais e renomados laboratórios acadêmicos no Brasil, estão empenhados em produzir um medicamento que possa, senão curar, combater o coronavírus e controlar a pandemia da doença. Esse trabalho demanda um alto investimento financeiro, pois inclui o pagamento de salários das pessoas envolvidas, o desenvolvimento de tecnologia específica para elaboração dos experimentos e um plano extenso de trabalho, cuja meta não pode estar atrelada a tempo, pois são elementos incompatíveis na ciência.
Desde que a Covid-19 surgiu em meados do ano passado, inicialmente na China, e se espalhou rapidamente para o mundo inteiro, deixando mais de 15 mil mortos até o momento, os estudos avançaram na identificação do comportamento do vírus no corpo humano e algumas linhas de pesquisa foram definidas para criar um medicamento que possa interromper o percurso da síndrome. Os experimentos continuam, mas ainda estão bem distantes de um veredito, o que certamente ocorrerá em breve.
No momento mais crítico da pandemia no Brasil, é preciso refletir sobre a importância da ciência e da formação de profissionais pesquisadores, pessoas que trabalham, quase sempre, no anonimato de suas funções, com salários baixos e condições precárias de atuação. Daqui para a frente, a Educação deve ser encarada por toda a sua extensão, desde os primeiros passos do ensino básico até a mais alta especialização em mestrado e doutorado, valorizando a pesquisa e colocando-a num grau de primeira necessidade.
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos