Esportes
Publicada em 07/03/2020 - 20h30min

Estadão Conteúdo
paulistão

São Paulo enfrenta o desesperado Botafogo

Com calendário cheio e preocupado com a partida desta quarta-feira pela Copa Libertadores, Tricolor usa equipe reserva no jogo de hoje em Ribeirão

Foto: Divulgação/SPFC

Goleiro Tiago Volpi será o único titular do São Paulo a entrar hoje em campo
São Paulo e Fernando Diniz tiveram um raro momento de paz depois de emendar duas vitórias consecutivas, contra Oeste (4 a 0) e Ponte Preta (2 a 1). Mas a tensão voltou a dar as caras após a derrota de virada por 2 a 1 para o Binacional, na última quinta-feira, no Peru, na estreia pelo Grupo D da Copa Libertadores. Para afastar a pressão, o time precisa do resultado positivo na visita ao Botafogo, hoje, às 16 horas, em Ribeirão Preto, pela nona rodada do Campeonato Paulista.
O São Paulo é líder do Grupo C no Estadual, com 15 pontos, e colocará um pé nas quartas de final em caso de novo triunfo. Desesperado na luta contra o rebaixamento, o Botafogo amarga a lanterna do Grupo B, com apenas cinco pontos. Outra derrota na competição pode ser quase fatal para a equipe de Ribeirão Preto, que venceu apenas uma vez, há duas rodadas, contra a Inter de Limeira.
Como vive momento crítico na temporada, com calendário cheio, o técnico Fernando Diniz deve poupar quase todos os titulares no jogo do Estadual. O time principal está desgastado por ter atuado na altitude de 3.825 metros de Juliaca, no Peru, contra o Binacional. Além disso, nesta quarta-feira, o São Paulo tem obrigação de vencer a LDU, no Morumbi, para não se complicar na competição continental.
Dos jogadores que entraram em campo na última quinta-feira, apenas o goleiro Tiago Volpi deve ir a campo em Ribeirão Preto. Ainda sem retorno definido, Juanfran e Vitor Bueno seguem afastados da equipe por lesão. O Tricolor fez um treino na manhã de ontem para definir o time recheado de reservas para encarar a equipe de Ribeirão Preto. O meia Hernanes, atleta mais experiente do elenco, deve começar a partida para dar equilíbrio ao conjunto.
Apesar da situação caótica no Paulista, o técnico Claudinei Oliveira, do Botafogo, tenta manter a cabeça fria para alcançar a permanência na primeira divisão. Ele terá todo o elenco à disposição para enfrentar o São Paulo, e vai repetir a escalação da derrota por 1 a 0 para a Ferroviária, na última rodada.
Segundo os cálculos botafoguenses, a equipe precisa de três vitórias nas quatro partidas restantes. Apesar da missão complicada, Claudinei quer pensar em um jogo de cada vez. "São mais 12 pontos (quatro jogos) em disputa, sendo seis dentro de casa e seis fora, e ainda temos um confronto direto contra o Oeste. Primeiro, precisamos pensar no São Paulo. Será difícil, mas temos condições de vencer", afirmou.
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos