Brasil e mundo
Publicada em 15/01/2020 - 02h02min

Mau tempo

Reinaugurarão de base na Antártida é adiada

Foto: Divulgação/Maria Rosa Pedreiro/Universidade Federal do Paraná

Antiga base brasileira pegou fogo em fevereiro de 2012
A cerimônia de reinauguração da Estação Antártica Comandante Ferraz, marcada para ontem, foi adiada por conta do mau tempo, de acordo com a Marinha. Pelo Twitter, a Marinha informou que "devido às condições meteorológicas, o deslocamento das autoridades que saem de Punta Arenas (Chile) para a Antártica não foi possível". A previsão, diz a Marinha, é de que o evento aconteça hoje.
Com capacidade para 64 pessoas, ela substituirá a base destruída por um incêndio em fevereiro de 2012 e é apontada por pesquisadores como uma das mais modernas da região.
São 17 laboratórios de pesquisa - 14 internos e 3 externos -, que servirão principalmente para estudos de Microbiologia, Biologia Molecular, Química Atmosférica, Medicina, Ecologia e mudanças ambientais.
Planejada pelo escritório de arquitetura Estúdio 41 e construída pela empresa China National Electronics Import and Export Corporation (Ceiec), vencedora de concorrência internacional, a nova estação custou
US$ 99,6 milhões. Durante a inauguração, será feita a entrega provisória da estação pela empresa chinesa - a definitiva só deve ocorrer com o fim do pagamento, previsto em contrato para 2022. Segundo a Marinha, US$ 60 milhões já foram pagos. (E.C.)
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos