Esportes
Publicada em 31/10/2019 - 00h35min

Estadão Conteúdo
Santos

Autuori critica gestão e evita falar sobre Sampaoli

O Santos está em terceiro lugar no Campeonato Brasileiro, continua bem cotado na disputa por uma vaga direta na fase de grupos da Copa Libertadores de 2020, mas não se livra das turbulências. Ontem, o superintendente de futebol do Santos, afirmou que o meia Cueva não defenderá mais o clube este ano e voltou a fazer duras críticas à diretoria.
Sobre o peruano, Autuori indicou que ele deve ser negociado na próxima janela de transferências. O dirigente explicou que a situação do peruano se agravou ao ter faltado ao treino de sábado. "Cueva está com vários problemas, todos sabem disso. Agravou-se mais em função da situação que ocorreu", disse.
No entanto, o superintendente evitou fazer projeções sobre o futuro do jogador. "Estamos analisando várias perspectivas para o seu futuro. Ele não joga mais no Santos neste ano. A ideia é fazer algo para ele fora do Santos no ano que vem."
Depois, em tom de desabafo, Autuori fez críticas à gestão do clube, afirmou que a temporada 2020 do time será "dura" e evitou falar sobre o futuro do técnico Jorge Sampaoli na equipe.
"O Sampaoli hoje, diferentemente do início do ano, tem completamente claro o que vai ser 2020 para o clube. Com a antecipação necessária, fiz questão de mostrar para ele qual será a realidade do Santos em 2020. Não será fácil, será dura, diante das dificuldades que o clube vai enfrentar", afirmou.
Autuori reconheceu falhas da gestão do futebol do clube. "Houve um erro de planejamento, não tenho dificuldade de ratificar isso Precisamos corrigir essa rota", disse.
Compartilhe

Video

Mais vistos