Esportes
Publicada em 06/07/2019 - 00h26min

Entrosamento

Seleção aposta em Jesus e Firmino

Foto:

Atacante marcou contra a Argentina no último jogo
Em maio, logo nos primeiros dias de treino da seleção brasileira em Teresópolis visando a Copa América, o auxiliar técnico do Brasil Cleber Xavier afirmou que a comissão técnica "já tinha na cabeça" o time titular para a competição. Ele não citou nenhum nome, mas quem acompanhava a seleção mais de perto sabia que o ataque teria Roberto Firmino e Neymar, com Gabriel Jesus esperando uma oportunidade no banco. Um mês e meio depois, o Brasil se prepara para a decisão com Firmino e Gabriel Jesus atuando juntos e demonstrando bom entrosamento.
A formação, contudo, demorou para ser definida pela comissão técnica. Sem Neymar, que acabou cortado às vésperas da disputa após sofrer lesão no tornozelo, Tite e seus auxiliares trataram de montar o setor ofensivo na base da tentativa, com Richarlison, David Neres, Firmino, Everton e Gabriel Jesus disputando posição.
Richarlison e David Neres foram titulares ao lado de Firmino na estreia com a Bolívia, mas a seleção brasileira sofreu para fazer seus três gols. Everton "Cebolinha" acabou sendo acionado e encantou nos primeiros jogos, mas sucumbiu à marcação contra a Argentina e deixou o campo após o intervalo.
Firmino e Gabriel Jesus também foram vistos com desconfiança no início. Apesar de fazer boa temporada por Liverpool e Manchester City, a dupla demorou a engrenar na competição. Firmino só foi marcar na goleada por 5 a 0 sobre o Peru, no terceiro jogo - mesma partida em que Gabriel Jesus perdeu uma penalidade.(E.C)
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos