Cidades
Publicada em 06/12/2018 - 21h43min

Febre amarela

Postos nos bairros oferecem vacinação no período noturno

Proposta é facilitar o acesso para quem ainda não tomou a dose; casos da doença foram registrados no litoral

Foto: Felipe Claro

Iniciativa visa atender público que não consegue tomar a dose em expediente normal
A Secretaria Municipal de Saúde de Mogi iniciou uma intensificação da vacinação contra a febre amarela no período noturno. O objetivo da iniciativa é facilitar o acesso dos munícipes que ainda não tomaram a vacina, indicada para toda a população desde o início deste ano. A medida também atende a necessidade de prevenção por conta das férias escolares e das festas de final de ano, quando muitas pessoas programam viagens para o Litoral Norte.
A dose ficará disponível de segunda a sexta-feira, das 18 às 21 horas, em cinco unidades alternadas: Jardim Universo, Santa Tereza, Jardim Camila, Jundiapeba e Vila Suíssa (veja quadro).
"A vacina é indicada para todos, principalmente para quem pretende viajar para o litoral neste final de ano, em função do surgimento de casos em municípios como Ubatuba e Caraguatatuba", explicou a médica da Vigilância Epidemiológica Municipal, Tereza Nihei.
Para otimizar o atendimento e garantir acesso a toda população, a dose continua disponível de segunda a sexta-feira em unidades distintas: Ponte Grande, Jardim Universo, Braz Cubas, Vila Natal e Jardim Aeroporto II (segundas); Chácara Guanabara, Jardim Margarida, Jardim Piatã, Biritiba Ussú, Botujuru, Jardim Ivete, Nova Jundiapeba, Vila da Prata e Jardim Maricá (terças); Vila Moraes, Sabaúna, Taboão-Lambari, Jardim Nove de Julho, Jardim Planalto, Alto Ipiranga, Jardim Camila e Santa Tereza (quartas); Jardim Aeroporto III, Novo Horizonte, Quatinga, Cocuera, Conjunto Cocuera, Conjunto Toyama, Jardim Layr, Vila Nova Aparecida, Taiaçupeba e Vila Jundiaí (quintas); e Vila Suíssa, Jundiapeba, Mineração e Santo Ângelo (sextas).
A dose é única e válida pela vida toda, mas contraindicada para bebês menores de 9 meses, gestantes, mães que amamentam bebês menores de seis meses, pessoas que apresentam algum tipo de imunossupressão por uso de medicamentos ou portadores de doenças imunossupressoras. Portadores de doenças crônicas importantes devem consultar o médico.
A febre amarela é uma doença infecciosa grave, causada por vírus transmitido pela picada de um mosquito. A vacina é uma forma de prevenção segura, mas protege somente da febre amarela, ou seja, é importante evitar a propagação de outras doenças eliminando os focos do mosquito.

Programação dos postos no período noturno

2ª feira: Jardim Universo
3ª feira: Santa Tereza
4ª feira: Jardim Camila
5ª feira: Jundiapeba
6ª feira: Vila Suíssa
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos