Esportes
Publicada em 12/09/2018 - 23h57min

Estadão Conteúdo
Brasileirão

Diego Souza se firma como centroavante no São Paulo

Foto: Divulgação

Diego Souza superou início difícil para virar artilheiro
Contratado para ser o centroavante do São Paulo, Diego Souza demorou a embalar na função, mas vem demonstrando na prática que a camisa 9 lhe caiu bem. Além de o jogador ser um dos artilheiros do time no ano ao lado de Nenê, todos os 12 gols que ele marcou até agora foram de finalizações no interior da grande área adversária.
No último sábado, Diego Souza utilizou o pé direito para concluir cruzamento de Nenê e garantir o único gol da vitória por 1 a 0 sobre o Bahia, no Morumbi. A chegada do atacante provocou desconfiança sobre suas condições para substituir Lucas Pratto, este sim um autêntico centroavante, que foi para o River Plate, da Argentina.
Aliás, esta foi a principal estratégia utilizada para convencer o jogador a trocar a Ilha do Retiro, onde era ídolo, pelo Morumbi: a vitrine de jogar como centroavante do São Paulo. Diego Souza sonhava em ser convocado por Tite para a Copa do Mundo da Rússia e via mais possibilidade de estar na lista nesta função do que como meia-atacante, sua posição de origem. "Não estou preocupado em jogar de 9, 10 ou pelo lado do campo. Quero jogar e estar bem ajudando da melhor maneira possível", disse o atleta no dia da sua apresentação.
Santos
A crise política no Santos viveu ontem mais um capítulo. Em nota oficial publicada no site do clube, o presidente José Carlos Peres disparou contra o vice-presidente Orlando Rollo e o acusou de se aproveitar do processo de impeachment para tentar tomar seu lugar no comando da equipe. "Lamentamos que o desejo de alcançar o poder via um processo político de impeachment cegue de tal forma o Sr. Orlando Rollo. Uma pequena amostra do tipo de procedimento e falta de postura de quem pretende tomar a presidência do clube", considerou Peres.
Na última segunda-feira, em reunião na Vila Belmiro, os membros do Conselho Deliberativo do clube aprovaram os dois procedimentos de impeachment colocados em votação. Agora, os sócios do Santos vão decidir o futuro de Peres, em data ainda a ser definida.
Compartilhe

Video

Mais vistos