Cidades
Publicada em 08/08/2018 - 23h54min

Fechou com São Paulo

Meia-atacante Everton Felipe revela 'chapéu' no Flamengo

Foto: Newton Menezes/Futura Press/Estadão Conteúdo

Atleta fez primeiro treinamento no período da tarde
Recém-contratado pelo São Paulo junto ao Sport, o meia-atacante Everton Felipe, de 21 anos, revelou ontem que o clube pernambucano já tinha uma proposta do Flamengo superior à dos paulistas em mãos quando seu telefone tocou. Do outro lado, o diretor-executivo Raí o convidava pessoalmente a vestir a camisa tricolor. Foi quando tomou a decisão de recusar a oferta flamenguista para aceitar a são-paulina.
"Tinha uma negociação em andamento com o Flamengo, só que eu tive uma ligação do Raí. Quando o Raí liga para você, as coisas mudam. A partir daquele momento, falei para o Raí que queria vir para o São Paulo. O Sport já tinha uma proposta do Flamengo na mão, falaram que era melhor que a do São Paulo, mas bati o pé. Eles não queriam abrir mão da outra proposta, mas eu falei para eles que eu não iria se eles não aceitassem. Foi aí que eles aceitaram. Pediram mais alguma coisa e o São Paulo cedeu", afirmou o jogador.
Indagado em seguida por qual razão havia batido o pé e escolhido o São Paulo, Everton Felipe respondeu: "Já joguei contra o (André) Jardine (auxiliar-técnico de Diego Aguirre e ex-treinador das categorias de base do clube) várias vezes e ele já tentou me trazer para cá. Todo moleque quer jogar no São Paulo, e para mim era um sonho que eu tinha desde moleque. Por já ser sondado, pelo Diego (Souza) que joga aqui também", declarou o atleta, citando sua amizade com o ex-companheiro.
Na semana passada, o Sport havia recusado a investida são-paulina pelo jogador. Na sexta-feira, o técnico Claudinei Oliveira já havia revelado que o atleta manifestara o desejo de vir para o Morumbi. Após o São Paulo incluir o atacante Morato no negócio e modificar a forma de pagamento pelo empréstimo de Everton Felipe, os pernambucanos acabaram cedendo e bateram o martelo pelo negócio.
Ontem, o novo reforço realizou os exames médicos pela manhã e, no período da tarde, já trabalhou com os novos companheiros: fez exercícios de fortalecimento muscular no Reffis e, na sequência, foi a campo participar das atividades comandadas por Aguirre. A equipe volta a campo no domingo, quando encara justamente o Sport, no Recife, pela 18ª rodada do Brasileirão. (E.C.)
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos