Editorial
Publicada em 09/05/2018 - 02h02min

Desafios juvenis

Na década de 1960, portanto antes da popularização dos computadores e de uma rede mundial de comunicação, o pintor e cineasta norte-americano Andy Warhol (1928-1987) disse que no futuro todos teríamos nossos 15 minutos de fama. Trazendo essa projeção para algo concreto, já nos dias de hoje, podemos citar o escritor italiano Umberto Eco (1932-2016), que afirmou que "no momento que a Internet permite que todos falem, permite que um grande número de imbecis fale".
Está claro que podemos dizer que essas afirmações, pelo menos por enquanto, estão direcionadas às redes sociais. Neste território todos podem falar, emitir opiniões que nem sempre são argumentos, mas com grande potencial de influência, uma vez que muitas pessoas pensam como a maioria. É a democracia em sua forma digital.
O poder exercido pelo povo pode não ser o mais perfeito, no entanto é o que melhor se encaixa nos dias de hoje. O problema está em dar voz às pessoas que melhor seria ficarem caladas. Voltando para as redes sociais, vemos fenômenos estranhos, que arrebatam os jovens de uma maneira inconsequente.
Se antes nos deparávamos com brincadeiras propagadas pelas redes como o desafio do balde de gelo, com o tempo tivemos que conviver com o da baleia azul, que tratava de suicídio juvenil, e ainda da asfixia ou desmaio. com "vitória" para quem prende a respiração por mais tempo. Pois eis que agora, a nova onda, pelo menos em terras americanas, é o desafio do desodorante.
Nesta mais nova estupidez, crianças e jovens assumem o desafio de quem fica mais tempo aguentando o spray sendo projetado contra o braço. Os resultados são perturbadores: desde queimaduras severas de segundo grau, até a morte de um dos 'desafiantes', de apenas sete anos, ao inalar uma grande quantidade de produto.
No passado, ainda na década de 1980, achamos que nossos jovens do terceiro milênio seriam mais inteligentes, mas isso não é o que parece ocorrer. Deixá-los a mercê de uma Internet sem a vigilância dos pais pode não ser o melhor caminho, uma vez que ela, como dizia Eco, está cheia de imbecis.
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos