Artigos
Publicada em 13/04/2018 - 23h24min

Cedric Darwin

E a reforma?

A reforma trabalhista foi aprovada a toque de caixa com a promessa de gerar empregos, muitos empregos. A nova lei está vigente há seis meses e nada mudou. O número de desempregados continua exatamente o mesmo. Embora não haja saldo negativo de empregos, com geração média de 60 mil novos empregos por mês, a promessa da reforma não se concretizou e temos 13 milhões de desempregados. Não há geração de empregos para reverter esse desastre.
A inflação está próxima de zero pois não há atividade econômica. Em qualquer cidade do Brasil vemos indústrias e comércios fechados, placas de aluga-se são a regra nos grandes centros, outrora tão disputados. A reforma veio apenas para dificultar ou inviabilizar que os desempregados postulem na Justiça seus direitos. Criou-se uma arapuca onde o pobre é condenado a pagar ao rico. A Reforma Trabalhista não trouxe nenhuma melhora ao mercado de trabalho e nem trará. Foi feita de forma atabalhoada apenas para impedir que os trabalhadores lesados não postulem na Justiça seus direitos e assim atender aos interesses dos grandes grupos econômicos.
A reforma não trouxe nenhum benefício social, apenas gerou incertezas jurídicas. Se uma empresa demite o empregado, segundo a lei tem dez dias para pagar as verbas rescisórias. A maioria das ações é para esse tipo de cobrança e qual a conseqüência para empresa? Quando paga, parcela em dez vezes sem juros ou correção, senão não acontece nada. Existem milhares de processos frustrados na Justiça porque não são encontrados bens dos devedores. Milhares de empresas terceirizadas de limpeza, segurança e portaria simplesmente viram pó e seus empregados não recebem nada. Mesmo quando trabalham para o Poder Público que nesse caso não responde de forma subsidiária, ou seja, um convite à fraude.
A reforma só teve um único objeto, esse plenamente alcançado, impedir o acesso à Justiça do pobre. Enquanto o STF dorme sobre as ADINs perdem tempo discutindo a sorte de corruptos presos, ninguém está preocupado com eles, que paguem por seus crimes, porque estando presos fazem muito menos estrago.
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos