Esportes
Publicada em 11/04/2018 - 23h38min

Liga dos Campeões

Com pênalti polêmico, Real elimina Juventus

Em um final de jogo surpreendente e triste para a torcida da Juventus, o Real Madrid voltou a levar a melhor sobre o rival italiano na tarde de ontem e se garantiu em mais uma semifinal da Liga dos Campeões da Europa. Um polêmico pênalti decretou a classificação dos espanhóis, no estádio Santiago Bernabéu, em Madri, aos 51 minutos do segundo tempo. Cristiano Ronaldo converteu a cobrança na derrota do clube espanhol por 3 a 1.
Até a marcação da penalidade, a Juventus vencia por 3 a 0, mesmo placar da derrota sofrida no jogo de ida, em Turim. Assim, levava o duelo para a prorrogação. Mas, aos 47 minutos, o árbitro inglês Michael Oliver anotou falta de Benatia sobre Lucas Vásquez na área. O lance irritou o goleiro Buffon, que se despediu da Liga dos Campeões com uma expulsão - ele vai se aposentar ao final desta temporada e tinha a última chance de conquistar o sonhado título.
Antes do pênalti, a Juventus dominava o jogo, com o inesperado placar de 3 a 0. Mandzukic marcou duas vezes, ainda no primeiro tempo. Um deles saiu logo no primeiro minuto de jogo. E Matuidi anotou o terceiro do time italiano aos 15 da etapa final. Mas a pressão dos visitantes foi anulada pela penalidade convertida por Cristiano Ronaldo.
Depois do gol do Real Madrid, a Juventus teve apenas um ataque para tentar, sem sucesso, o quarto gol. Com o resultado, voltou a cair diante dos espanhóis. No ano passado, o Real faturou o seu 12.º título da Liga dos Campeões em final contra a Juventus, pelo placar de 4 a 1.
Bayern classifica
Dos classificados às semifinais da Liga dos Campeões da Europa, o Bayern de Munique foi a única equipe que não levou sustos no jogo de volta. Ontem, o time alemão ficou no empate sem gols com o Sevilla, no Allianz Arena, em Munique, e se garantiu na próxima fase.
Os outros dois semifinalistas da competição são Roma e Liverpool. (E.C.)
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos