Tribuna
Publicada em 10/01/2018 - 22h15min

Claudia Irente

Tribuna

Foto: Divulgação

Febre amarela
Continua nos postos da região a campanha de vacinação contra a febre amarela. A doença pode se manifestar com febre alta, calafrios, cansaço, dores no corpo e náuseas. No ciclo silvestre, os macacos são os principais hospedeiros e vetores são mosquitos. Nesse ciclo, o homem participa como um hospedeiro acidental, ao ter contato com áreas onde esses insetos habitam. Já no ciclo urbano, a transmissão ocorre a partir dos mosquitos Aedes Aegypti (os mesmos da dengue) infectados.
Estatísticas
No Brasil, segundo o Ministério da Saúde, entre dezembro de 2016 e agosto de 2017, 777 casos foram confirmados e 261 pessoas morreram em decorrência da febre amarela. Segundo Hermes Higashino, infectologista de São Paulo, a vacina é a principal ferramenta de prevenção. 
Inflação
Alencar Burti, presidente da Associação Comercial de São Paulo (ACSP), comentou sobre a inflação oficial de 2017, a menor dos últimos 19 anos, conforme divulgou ontem o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). "O Banco Central conseguiu pôr em prática uma política de reversão da inflação, a partir do manejo correto da taxa básica de juros, melhorando a economia como um todo. E essa política foi ajudada pela safra agrícola recorde que permitiu a derrubada dos preços dos alimentos".
Juros
Burti, que também preside a Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp), disse que, em 2018, os juros deverão continuar baixos, ajudando a controlar os preços, o que estimula as vendas de bens duráveis de maior valor como móveis, eletrodomésticos, veículos e material de construção, justamente as áreas mais prejudicadas pela recessão.
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos