Editorial
Publicada em 11/01/2018 - 22h51min

Cores de janeiro

Há alguns anos têm feito sucesso as campanhas mensais de incentivo à prevenção que estabelecem cores para representar o combate a diferentes doenças. A mais emblemática e de maior alcance, não apenas na região como em todo o país, é o Outubro Rosa, com ações focadas na saúde da mulher, especialmente na prevenção ao câncer de mama, uma das principais causas de mortalidade feminina.
O mês de janeiro ganhou três cores diferentes simbolizando o cuidado com a saúde. O branco, por exemplo, destaca a saúde mental com o objetivo de colocá-la em evidência como forma de prevenção e combate às doenças emocionais. Entre as ações, o Clube Náutico, em Mogi das Cruzes, começou ontem a receber psicólogos para orientação gratuita e individual. A atividade vai se repetir nos dias 18 e 25 de janeiro, e 1º de fevereiro. Um "Dia D" está marcado para o dia 21 no Parque Centenário, também em Mogi.
Outra cor escolhida para o mês foi o roxo para a campanha apoiada pela Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) e as 22 concessionárias de rodovias paulistas. O "Janeiro Roxo", criado pelo Ministério da Saúde, destaca o combate à hanseníase, doença crônica e infectocontagiosa. A Secretaria de Saúde de Mogi mantém inclusive o Programa de Controle a Hanseníase. Já na década de 1930, a cidade recebia pacientes que ficavam isolados no Asilo Colônia Santo Ângelo, onde hoje é o Hospital Dr. Arnaldo Pezzutti Cavalcanti.
E assim como os medalhistas, janeiro também é dourado, campanha promovida pela Sociedade Paulista de Medicina Desportiva (Spamde). O foco é o estímulo aos hábitos saudáveis, esclarecendo sobre a Medicina Esportiva e o papel do médico do esporte. Como diz o slogan, "Janeiro Dourado - Porque sua Vida Vale Ouro".
Estas ações têm o mesmo objetivo: contribuir para a promoção da saúde, alertando a população para a necessidade da prevenção e do investimento na qualidade de vida. São tantos os desafios diários que muitas vezes a saúde fica em segundo plano, e não apenas pelas dificuldades encontradas para receber o atendimento adequado. Cuide-se!
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos