Esportes
Publicada em 04/01/2018 - 19h36min

Juniores

União Mogi pega o Bragantino visando 1ª vitória na Copinha

Equipe mogiana volta a campo hoje sabendo que precisa vencer para sonhar com classificação à próxima fase

Foto: Guilherme Borges/União Mogi FC

Técnico Chila terá dois difíceis compromissos, contra Bragantino e Grêmio
Depois de empatar em 1 a 1 contra o Trindade de Goiás, na estreia da Copa São Paulo de Futebol Júnior 2018, na última quarta-feira, a equipe Sub-20 do União Mogi voltou aos treinos na manhã de ontem visando o jogo contra o Bragantino, válido pela segunda rodada do torneio.
Apenas os atletas que não atuaram contra os goianos foram a campo, já os titulares fizeram um trabalho regenerativo nas piscinas do CT do Sindicato dos Metalúrgicos, em Biritiba Ussú. Na visão do comandante da equipe, o empate na estreia foi bom, já que, segundo Chila, o resultado mantém o time em boas condições de avançar para a próxima fase. "Para nós foi um resultado importante, porque pegamos uma equipe que está há quatro anos junta. No ano passado já se classificou na Copinha, foi vice-campeã goiana. Pegamos um time entrosado, e nós ainda estamos buscando isso. Foi um resultado positivo, que nos dá chance de classificação ainda", disse Chila.
Em sua quarta participação na Copinha, o alvirrubro jamais passou da primeira fase. Sua melhor campanha foi no ano 2000, quando ficou em terceiro lugar na chave, que tinha Atlético Paranaense-PR, Fluminense-RJ e Treze-PB. Ao mesmo tempo que confia na vaga, o treinador sabe das dificuldades que seus comandados terão pela frente na busca desse objetivo. "O Bragantino é uma equipe que está um pouco acima da gente, mas podemos igualar. O Grêmio é um time grande, vai depender muito da parte emocional dos atletas e a situação do campeonato", comentou o treinador.
Para alcançar tal feito, o União terá todo elenco à disposição para a partida de hoje. Na sua estreia, o Bragantino foi derrotado pelo Grêmio-RS por 3 a 0. A bola rola às 19 horas, no Estádio Municipal Francisco Ribeiro Nogueira, o Nogueirão. Na sequência, às 21 horas, Grêmio e Trindade fecham a segunda rodada do Grupo 30, no mesmo local. A entrada é franca.

Prefeitura faz reforço na segurança do Nogueirão

A Prefeitura de Mogi das Cruzes reforçou o policiamento nos jogos da Copa São Paulo de Futebol Júnior realizada no Estádio Municipal Francisco Ribeiro Nogueira, o Nogueirão, na Vila Industrial

A Prefeitura de Mogi das Cruzes reforçou o policiamento nos jogos da Copa São Paulo de Futebol Júnior realizada no Estádio Municipal Francisco Ribeiro Nogueira, o Nogueirão, na Vila Industrial. O esquema de segurança reforçado é adotado desde a última edição, já que em 2016, um grupo de torcedores da Torcida Tricolor Independente protagonizaram cenas que acabaram com depredação do estádio mogiano.
O processo em que a administração municipal pede indenização pelos prejuízos está em andamento há dois anos. A Procuradoria Geral do Município informou que a ação está na 7ª Vara Civil. No momento "A Prefeitura aguarda a análise de sua solicitação para que o presidente do São Paulo Futebol Clube, Carlos Augusto de Barros e Silva, seja ouvido".
A segurança no estádio Nogueirão é garantida por um esquema que conta com a participação conjunta da Guarda Municipal e da Polícia Militar. A primeira rodada realizada na quarta-feira, com os jogos do União Mogi x Trindade (Goiás), e Grêmio x Bragantino, contou com a presença de aproximadamente 40 profissionais que atuaram no esquema de segurança.
Além do efetivo da Guarda Municipal e da Polícia Militar, a administração municipal disponibilizou a Unidade Móvel de Monitoramento, que é utilizada em grandes eventos do município, ao estádio Nogueirão, para auxiliar no trabalho de segurança.
A primeira rodada no local foi acompanhada por cerca de 4 mil pessoas (leia mais nesta página).
Ação
A Polícia Militar deteu na noite de quarta-feira, cerca 150 integrantes de uma torcida organizada do São Paulo por suspeita de planejarem uma briga após uma partida no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, pela Copa São Paulo. A Polícia informou que foram apreendidos soco ingleses, pedaços de pau e barras de ferro. Os torcedores prestaram depoimento e foram liberados. Ninguém se feriu. O time paulista jogou contra o Cruzeiro (Distrito Federal).

Cerca de 4 mil torcedores acompanham rodada inicial

Cerca de 4 mil pessoas acompanharam a primeira rodada do Grupo 30 da Copa São Paulo de Juniores em Mogi das Cruzes, na quarta-feira passada

Cerca de 4 mil pessoas acompanharam a primeira rodada do Grupo 30 da Copa São Paulo de Juniores em Mogi das Cruzes, na quarta-feira passada. A competição prossegue hoje, a partir das 19 horas, com mais duas partidas que serão realizadas no estádio municipal Prefeito Francisco Ribeiro Nogueira, o Nogueirão. A entrada para o público é gratuita.
"Mogi das Cruzes está sediando a Copa São Paulo pela terceira consecutiva e é um motivo de satisfação para a cidade. É uma oportunidade para os mogianos, principalmente às crianças e jovens, que têm mais uma opção de lazer durante as férias, assistindo bons jogos. Além disso, a Copinha também é a chance para muitos jogadores aparecerem e mostrarem seu potencial", afirmou o prefeito Marcus Melo (PSDB), que participou da cerimônia de abertura da competição na cidade.
Para receber os jogos da Copa São Paulo, a Prefeitura de Mogi das Cruzes montou uma estrutura especial (leia mais nesta página). A Secretaria Municipal de Transportes também realizou interdições de ruas próximas ao estádio para facilitar a circulação dos torcedores, garantindo a segurança dos pedestres.
A Administração Municipal também oferece toda a estrutura para as equipes participantes. Além da Arena Nogueirão para os jogos, os times utilizam os campos do clube Comercial, da Empreiteira Vidal e da ADC NGK para os treinamentos. O transporte dos atletas para treinos e para as partidas também é feito pela Prefeitura.
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos