Cidades
Publicada em 14/11/2017 - 22h16min

Região

Políticos solicitam melhoria viária

A construção da alça do Rodoanel Mário Covas (SP-21), em Suzano, e a possibilidade de uma interligação com a Rodovia Mogi-Bertioga foi o assunto que o deputado André do Prado (PR) e o prefeito Rodrigo Ashiuchi (PR) trataram com o diretor geral da Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), Giovanni Pengue Filho

Foto: Mogi News

Acesso à estrada dos Fernandes pelo Trecho-Leste do Rodoanel é um pedido antigo
A construção da alça do Rodoanel Mário Covas (SP-21), em Suzano, e a possibilidade de uma interligação com a Rodovia Mogi-Bertioga foi o assunto que o deputado André do Prado (PR) e o prefeito Rodrigo Ashiuchi (PR) trataram com o diretor geral da Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), Giovanni Pengue Filho.
A construção da alça do Rodoanel é considerada de extrema importância para a região porque os motoristas que trafegam pelo anel viário não conseguem acessar os municípios de Suzano, Ferraz de Vasconcelos e Poá.
Para o deputado a construção desta ligação é fundamental para o Alto Tietê e solicitou uma providência, o mais breve possível para que este impasse seja solucionado o mais breve possível. "O governador Geraldo Alckmin (PSDB) anunciou esta obra e a expectativa da população é muito grande para que este acesso seja construído beneficiando Suzano, Poá e Ferraz de Vasconcelos que ganharão um acesso direto, podendo atrair empresas e gerar postos de trabalho", completou o parlamentar.
Na reunião, o prefeito Rodrigo Ashiuchi pediu providências em relação a esta questão porque a população suzanense cobra a interligação da cidade com a estrada. "Precisamos dar uma resolução o mais rápido possível a este impasse, uma vez que a obra chegou foi anunciada pelo governador. Esta obra é vital para o desenvolvimento da cidade", disse.
A interligação do Rodoanel pela Estrada dos Fernandes, quando foi anunciada tinha uma previsão de custo na ordem de R$ R$ 160 milhões, beneficiando cerca de 1,4 milhão de habitantes das cidades de Suzano, Ribeirão Pires, Mauá, Poá, Ferraz de Vasconcelos e Itaquaquecetuba.
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos