Cidades
Publicada em 12/08/2017 - 18h54min

Luana Nogueira
100 cirurgias por mês

Construção do bloco cirúrgico da Unica começará em breve

Expectativa é de que espaço, que funcionará como Hospital Dia, em Jundiapeba, seja entregue no ano que vem

Foto: Daniel Carvalho

Estrutura que ficará anexa à Unica deverá ser finalizada no primeiro semestre
O distrito de Jundiapeba receberá um mini-hospital no primeiro semestre de 2018. A construção do bloco cirúrgico anexo à Unidade Clínica Ambulatorial (Unica) começará nos próximos dias. A expectativa é de que a estrutura leve oito meses para ser construída. Depois de concluída, a unidade terá a capacidade de realizar até 100 cirurgias por mês.
A empresa vencedora da licitação para construção do bloco cirúrgico foi a construtora Trópico e Incorporadora Ltda. Ela apresentou uma proposta com o valor de R$ 631.290,31. O montante é 25% menor que o preço inicialmente orçado pela administração municipal, que era de
R$ 841.616,91. O contrato e a ordem de serviço para a execução da obra será assinado nos próximos dias pela Prefeitura de Mogi das Cruzes. A maior parte dos recursos para construção da unidade é do governo Federal, R$ 565.200,00. O restante é de contrapartida do município.
O bloco cirúrgico funcionará como um Hospital Dia. O serviço ajudará a atender a demanda existentes no município em alguns tipos de operações. A unidade contará com classificação Tipo II, o que significa que poderá realizar cirurgias pequeno e médio porte com anestesia local, que não necessitem pernoite dos pacientes.
Depois de concluído, o bloco cirúrgico poderá realizar cirurgias como vasectomias, tratamento cirúrgico de varicocele, hérnia umbilical, entre outros tipos de intervenções. O prédio contará com 299,15 metros quadrados, nos quais 286,57 m² de bloco cirúrgico. O restante será da cobertura de ligação com a Unica.
O Hospital Dia terá vários ambientes, nos quais uma sala de cirurgia, recuperação pós-anestésica, posto de enfermagem, sala antissepsia das mãos, além de vestiários, copa, local para armazenamento de roupas sujas e de roupas limpas. O espaço contará ainda com área administrativa, sanitários acessíveis feminino e masculino e dois leitos de recuperação pós-anestésica.
Na época do lançamento da obra, em junho, o prefeito Marcus Melo (PSDB) informou que um estudo realizado pela Prefeitura apontou a necessidade da construção do bloco cirúrgico da Unica. O serviço será administrado pela Organização Social que já atua na unidade, a Vitale Saúde.
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos