Capa | Matéria
Publicada em 06/05/2017 - 20h11min

Vitoria Moreira Fiel

Transparência conduz o trabalho de escola organizada por alunos, professores e os pais

Imagine estudar numa escola onde os vegetais servidos na refeição são cultivados por você e as despesas da instituição detalhadas num “Mural da Transparência” para que elas sejam administradas por todos que integram a comunidade escolar? Uma ação que envolve o empenho e engajamento de todos e que tem sido colocado em prática com eficiência na Escola Municipal Professora Teresa Martins Pinhal, na Vila Jundiaí, em Mogi das Cruzes. A unidade conta com apoio dos gestores, educadores, alunos, pais e colaboradores e, desde então, tem realizado atividades significativas por meio desse trabalho integrado. E, dentre elas, a arrecadação de verba para a realização de projetos importantes. 
Para se ter uma ideia, no ano passado, a escola arrecadou R$ 32 mil. Segundo o diretor da unidade, Arnaldo Rodrigues da Silva Júnior, essa conquista é graças à atuação de todos. "A nossa escola, que atende alunos entre 4 e 5 anos, que estão na Educação Infantil, conta com pais participativos, que buscam parcerias com empresas públicas e privadas para arrecadar fundos em prol da qualidade de ensino das crianças", disse. 

Iniciativas que geram qualidade
Uma das iniciativas que ajudou na busca por uma uma gestão independente foi a colocação do “Mural da Transparência” no pátio da escola, Lá, as despesas, arrecadações e todas as informações sobre o dia a dia da unidade ficam disponíveis para serem vistas. E, com isso, todos têm ideia como é o funcionamento de uma unidade escolar e a dificuldade em mantê-la. “Sou diretor há pouco mais de um ano nesta escola, e, assim como em todas outras onde estive, sempre tento trabalhar com os alunos, pais e colaboradores com transparência”, comenta Silva Júnior.
O documento deu uma direção quanto ao que é mais e menos importante para investir na educação dos alunos. “Nós nos baseamos nos 'Indicadores de Qualidade da Educação Infantil' do Ministério da Educação. A partir disso traçamos metas e definimos quais pontos a escola deveria melhorar para oferecer mais qualidade às nossas crianças. Trata-se de um documento importante e que todas as escolas deveriam estudar", ressalta o diretor.
Segundo Silva, as arrecadações já ajudaram na montagem de uma brinquedoteca, na pintura da escola, na compra de televisões, e, ainda, trouxe o sistema apostilado.Outra atividade que ganhou uma maior atenção foi a manutenção da horta, responsável pela produção de alimentos que são consumidos pelas próprias crianças. "Os alunos aprendem a cultivar o próprio alimento. No ano passado, observamos que a alimentação estava inadequada e o número de crianças obesas estava crescendo. Então, desenvolvemos uma ação para estimular a alimentação saudável, a horta foi fundamental nesse processo”, aponta.

Os pais aprovam
A Márcia Rodrigues Mina Campineiro, mãe do Daniel Campineiro, de 5 anos, aprova o modelo de gestão da escola. “É ótimo. Meu filho traz um livro diferente para a casa todos os dias e se encanta bastante com a horta. Sou professora, e percebo o resultado dessas atividades no aprendizado e desenvolvimento do meu filho”, elogia.
Em relação ao projeto de transparência, a mãe disse ser importante para que todos acompanhem a manutenção geral da escola. “As crianças questionam muito, e o meu filho não é diferente. Ele geralmente pergunta para que é realizada uma determinada festa, para onde vai o dinheiro, dentre outras indagações. Então, explico a ele, e, assim como os adultos, acho importante trabalhar responsabilidades, dentre elas o cuidado e a preocupação com a sua escola”, finaliza.
 
 
 
  • Escola Municipal Professora Teresa Martins Pinhal
  • Escola Municipal Professora Teresa Martins Pinhal
  • Escola Municipal Professora Teresa Martins Pinhal
  • Escola Municipal Professora Teresa Martins Pinhal
  • Escola Municipal Professora Teresa Martins Pinhal
  • Escola Municipal Professora Teresa Martins Pinhal
  • Horta feita pelos alunos é um dos projetos da EM Profª Teresa Martins Pinhal; dela saem os alimentos para a merenda
  • Escola Municipal Professora Teresa Martins Pinhal mantem horta com ajuda da comunidade
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos